quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Mi corazón, cap II

2 comentários:
 
Leia também o Cap I

...ele era simplesmente o garoto que todas queriam, sem dúvidas o meu e o tipo de muitas, sempre achei que Mike não sabia da minha existência, sempre fui insignificante, nunca fui a gostosa do colégio, ou a mais bonita, eu estava surpresa, aquilo definitivamente deveria ser algum tipo de brincadeira de mal gosto, eu já sofria com isso, não queria ser alvo do deboche alheio.
Tentei voltar a respirar, se isso fosse possível, é claro.
Mike sorria, o que o cara mais incrível da cidade poderia esperar de mim? Nada, eu presumi.
- Olá, Chris, não sei se sou o que você esperava, mas acho que talvez...
- O-o-o-i-i - eu o interrompi gaguejando.
- Eu sabia que você não ia gostar, como uma garota como você iria gostar de mim? - seus olhos abaixaram.
Eu senti o calor preencher minhas bochechas, aquele não era o momento para corar, timidez idiota.
- Você não vai dizer nada? Okay, okay, você esperava por alguém diferente, posso lidar com isso.
Tomei fôlego, e me forcei a olhar em seus olhos, impossível, os olhos azuis penetrantes mais incríveis do mundo.
- Olha, eu nunca imaginei que fosse você, é difícil de acreditar, isso é algum tipo de aposta? Porque se for você já ganhou, não preciso passar mais vergonha.
- Não, não, nunca!
- Não consigo fazer conexão entre você, as cartas e tudo isso, estou confusa.
- Eu sei, isso tudo é muito novo pra mim, não quero te fazer se sentir obrigada a retribuir meus sentimentos.
Inacreditável, sentimento? Oh meu Deus, se eu morresse naquele instante morreria feliz, Chris burra que momento para pensar em morrer, tonga, eu pensava comigo.
Meu estômago revirou quando senti seus olhos nos meus, não podia negar aquele amor platônico de infância estava mais vivo do que nunca, ingênua de acreditar que amores assim morrem, eles só dormem para despertar ainda mais intensos.
Sem perceber já estava sentada de novo no banco, isso aconteceu entre o primeiro contato visual e a parte do sentimento, não sei muito bem. Estava surpreendida com o quão próximo ele já estava de mim, suas mãos seguraram as minhas, eu ainda não conseguia segurar o olhar, sorria feito uma boba constrangida, uma grande boba.

Continua.
-

Beijos :*
Eli

2 comentários:

  1. Quando eu loguei no blogger, e vi que você tinha postado a continuação.. eu tive um surto, sem zoar KLDSAJKDASJ.. desde quando você escreveu essa história ao meu pedido, eu já me tornei fã.. por essas que eu te peço pra que poste os proximos capitulos sempre que possivel. KDSAJKSADJ Beijos Eli Linda LKDSJAKASDJ

    gabipolar.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. é agora que toda essa tensão de vestibular está passando, vou postar sempre, com um dia fixo, eu acho.

    ResponderExcluir

Sinta-se à vontade para comentar, mas lembre-se: Onde seus direitos terminam os meus começam.

 
© 2012. Design by Main-Blogger - Blogger Template and Blogging Stuff