sábado, 11 de fevereiro de 2012

Se arrependimento matasse...

Nenhum comentário:
 


Sua imaturidade me deixava insegura e atingia meu ego de tal maneira. Éramos bons juntos, bom pra você que me tinha em um pedestal, eu adorava ser superior e não escondia isso. Minha opinião tinha que ser absoluta, acima de tudo e de todos, aquele terrível costume de julgar os outros estou ainda tentando melhorar, mas o fato é que sinto sua falta, e isso aumentou ainda mais depois que te vi feliz, sim, depois de destruir seu coração não queria e sinceramente não desejava que seguisse em frente, te ver aos meus pés inflava meu ego, isso tinha que continuar. Hoje percebo o quanto fui patética, não te dei o valor que merecia, desdenhei, ri do seu potencial, ri de você. 
Este sorriso que estampa seu rosto não é mais por mim, agora sinto inveja da garota que está ao seu lado, sortuda. Se arrependimento matasse...


Beijos :*
Eli
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se à vontade para comentar, mas lembre-se: Onde seus direitos terminam os meus começam.

 
© 2012. Design by Main-Blogger - Blogger Template and Blogging Stuff