sábado, 25 de maio de 2013

Bilhete na porta da geladeira

Nenhum comentário:
 

Hoje você me disse que eu tinha uma porcentagem maior de culpa por este relacionamento ser um tipo de montanha russa infinita e devo dizer que discordo. Fiz de tudo para dar certo em todas as vezes, me humilhei, engoli o orgulho e chorei durante várias noites apenas esperando um telefonema seu, a merda de um simples telefonema, mas você sempre foi incapaz de correr atrás de algo imagina de alguém. 
Superestimo demais sua capacidade de demonstrar afeto e sempre sou decepcionada pelo seu coração gelado e sua falta absurda de consideração. Felizmente cansei de toda essa porcaria, cansei de não receber a recíproca, cansei de você.
Me deixe aqui quieta no meu canto e saia de mansinho sem quebrar nada, já que o principal você já quebrou. Leve tudo que é seu, não quero lembranças, quero apenas que se vá e não volte. Esqueça meu endereço, meu telefone e da minha existência se for possível, porque já estou dando um jeito de esquecer da sua.
Não faço questão de gastar tempo dizendo tudo isso na sua cara, por isso deixei esse bilhete na porta da geladeira, faça o favor de pelo menos agora sair sem deixar a tampa da privada levantada.
Att. A garota que deixou de ser otária.
__

Beijo :*
Elis
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se à vontade para comentar, mas lembre-se: Onde seus direitos terminam os meus começam.

 
© 2012. Design by Main-Blogger - Blogger Template and Blogging Stuff